Barbara Fraga

Olá, meu nome é Barbara eu tenho 36 anos e sou de Porto Alegre do Rio Grande do Sul.

Sempre tive vontade de fazer intercâmbio, mas quando eu tinha dinheiro eu não tinha tempo, quando tinha tempo, não tinha dinheiro, nunca os dois,rs. Esse plano nunca saiu do papel, até que alguém me marcou em uma publicação do instagram da Kiwi Education.

Ganhei 4 semanas de curso, acomodação, seguro viagem, todo suporte da Kiwi Education, chip de celular com crédito, adaptador de tomada, me ajudaram com as documentações, me ajudaram a tirar o passaporte, pois eu nem tinha passaporte! Meu primeiro contato com a Kiwi Education foi que eu tinha ganhado o concurso. No começo principalmente minha mãe ficou com medo, mas a empresa te deixa muito segura, eles te dão todo o suporte, via e-mail, via telefone, skype, eu achei muito tranquilo faz parecer tudo bem fácil na verdade. Eu recomento muito o serviço deles!

Um mês para mim foi perfeito, pois faço faculdade de veterinária em uma Universidade Pública e também faço estágio, em um laboratório da própria faculdade. Consegui uma licença de um mês, para estudar fora, podendo se estender por mais 15 dias, finalmente meu plano estava realmente saindo do papel.

Minhas opções de países era Espanha por causa do espanhol que para mim era um pouco mais fácil, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia. A Nova Zelândia atendeu todos os meus requisitos, a viajem é um pouco longa, mas para mim foi tranquilo, pois minha conexão no Chile foi rápida, e ai eu entrei avião, comi, dormi e quando acordei já estava na Nova Zelândia. O frio que eu achava ser muito rígido, não é tão frio assim, conheci uma moça no Facebook que me falou para trazer todas as minhas roupas de frio, mas eu vim de Porto Alegre e é a mesma temperatura, aqui você sai na rua e tem pessoas de bermuda e saia.
Antes de vir eu pesquisei bastante, as informações que eu mais encontrei é que aqui era muito frio, que víamos todas as estações do ano em um dia, que o país era muito seguro e que teria muitas pessoas de outros lugares do mundo. E quando eu cheguei aqui e realmente você sai na rua e encontra asiático, brasileiro, indiano, mas definitivamente o que mais tem é asiático. É frio, mas não é tanto quanto eu imaginava, claro tem um vento, um ventinho e ai do nada começa a chuva, mas depois volta o sol, é muito gostoso, não é tão frio quanto eu achei que fosse e estou no final do inverno começo da primavera. Não usei muitas roupas!!

Quando eu cheguei aqui eu estava muito preocupada com a imigração porque, como eu sou mulher, sozinha, viajando eu achei que poderia ter algum tipo de problema e fui muito rápido. Eu entrei na fila a imigração me chamou carimbou meu passaporte e quando fui ver já estava com o pessoal da Kiwi Education no saguão. Depois do aeroporto o pessoal me levou para conhecer a cidade (mesmo sendo 5 horas da manhã), fomos tomar um café, paramos para conhecer o Mount Eden, o lugar é lindo, super recomendo! Passeamos na frente do museu da guerra, do litoral e algumas praias como Mission Bay, passeamos no centro pela Queen Street e fomos para a minha acomodação.

Fiquei alojada na Luau Acomodation – o lugar é bacana,  limpo, você se sente em casa, eu divido o quarto com mais 3 meninas que são asiáticas, elas são bem organizadas (até mais organizada que eu). A casa tem tudo que você precisa microondas, geladeira, utensílios para fazer comida, televisão, tv a cabo (embora seja tudo em inglês). O bom é que o dono é brasileiro, então você se adapta mais rápido, mais fácil.

Eu estou estudando na Abacus, no primeiro dia fiz um teste para ver o meu nível, fui bem no listening mas por conta da minha gramática acabei ficando no nível básico. A escola eu amei a professora é maravilhosa, a recepção também. Logo no primeiro dia o diretor da escola nos levou para um café e explicou as regras da escola em um bate-papo bem legal e você acaba conhecendo pessoas de vários lugares, na minha sala não tem nenhum Brasileiro, mas tem Uruguaio, Chileno, tem uma menina do Cazaquistão, um rapaz da Arábia Saudita então pude conhecer várias culturas, em um lugar só. A aula é toda em inglês, as explicações são em inglês, você acaba entendendo, eles falam gesticulando, se você não entende eles repetem, falam de uma forma que você entenda, mas tudo em inglês. Eu tinha muita vergonha de falar Inglês, fui perder um pouco aqui que ou você fala ou …. não tem o que fazer, você tem que falar.
Eu acho que meu inglês melhorou, claro que um mês não tem como eu sair fluente, eu espero conseguir pelo menos terminado o nível 1, só que melhora muito pois você escuta, você ouve o tempo todo, no ônibus, no supermercado, comprar um lanche, no restaurante. Um mês de experiência valeu muito apena! claro que o ideal seria ficar uns 6 meses, viver bem a cultura, conhecer vários lugares. Eu realmente perdi a vergonha, mesmo que você fale errado você tem que tentar, você vai aprendendo. Se eu consegui qualquer pessoa consegue, pois eu tinha muita vergonha.

Foi super fácil andar aqui no centro de Auckland, acompanhada pela KiwiEducation, no primeiro dia pegamos um ônibus que custa 0,50 (cinquenta) centavos, e é bem fácil, você baixa o aplicativo do ônibus se você não sabe como ir, ele te da a parada que você tem que  ir, o ônibus que você tem que pegar e é como se fosse um mapinha que te mostra onde você esta e onde você tem que descer, dá para se virar facilmente!

Como eu só tinha um mês aqui eu aproveitem muito os finais de semana e os horários depois das minhas aulas (8h30 ~13hr), então depois do horário eu aproveitava para estudar e conhecer a cidade, o legal de estar no centro de Auckland é que você consegue pegar um ônibus, ferry ou trem para a praia, 10 minutos você esta em Devenport, 10 minutos em Mission Bay. Aqui o que o pessoal faz muito é alugar uma campervam, e em uma quinta feira, com um pessoal que conheci aqui alugamos uma e fomos até Tongariro, Rotorua e Taupo. Em Tongariro que eu conheci neve, você faz uma trilha que nessa época do ano precisa fazer com guia, nós estávamos sem guia, então fizemos o que conseguimos fazer, é uma trilha no meio de alguns vulcões você sobe e no topo tem neve, muita neve. Realmente precisa ir preparado!

Fui muito legal, foi a minha melhor experiência, certeza que este passeio ficará marcado para sempre! Meu medo era dirigir na mão inglesa, mas acabou dando tudo certo, foi tranquilo, as rodovias são muito bem sinalizadas, o asfalto parece um tapete, no caminho você vê muita coisa linda, fazendas, vacas, vi gazes em Rotorua, é muito bonito. É uma experiência boa! Mesmo com um mês eu consegui fazer bastante coisa. A Natureza foi o que eu mais gostei aqui na Nova Zelândia, eu que nunca tinha pensado que ia ver neve, e eu cai e até mergulhei na neve. A natureza aqui é muito bonita, a segurança também, estrutura.

Eu não queria volta para o Brasil, mas tenho que voltar para terminar algumas coisas pendentes. Pretendo voltar para cá com mais tempo, um pouco mais preparada no sentido de ter arrumado as coisas no Brasil para vir para cá, pretendo fazer o visto de estudante bem tranquilo. Eu recomendo a Nova Zelândia, cada lugar que você olha aqui é uma cena de filme, os lugares que conhecemos é diferente de todos os outros que já tinha conhecido, o Brasil tem muitos lugares lindos, mas a Nova Zelândia consegue te surpreender a cada virada de esquina. A natureza, infraestrutura, segurança é muito surreal, acho que vale muito a pena.

Ter vindo agora após os meus 30 anos, foi a melhor época! Se eu tivesse vindo com meus 20 e poucos anos eu não teria a cabeça que eu tenho agora, provavelmente eu irá querer ir para festas, ou só curtir a cidade, então eu vim com uma outra mentalidade, eu acho que não tem idade para fazer intercambio. Tanto que na minha sala 5 pessoas tem mais de 30 anos. Eu não vi nenhum problema ou empecilho.

Eu mudei, não que não sou a mesma pessoa. Eu nunca fiz uma viagem sozinha, eu achei que eu ia ficar muito perdida e não! Eu me encontrei, você acaba ficando mais independente, perde a vergonha, o receio, a insegurança e você acaba descobrindo como viver com você mesma. Vou levar muita experiencia do que tive aqui e vai ser muito bom para a minha vida. Eu não sei explicar com palavras o que eu sinto de ter vindo para cá, mas eu mudei e mudei muito no sentido interior, de segurança, de confiar mais em mim mesma.

Para que esta querendo vir, tire a idéia do papel e venha para a Nova Zelândia. Quando eu ganhei o sorteio, eu não estava acreditando em mim, não era na Kiwi, na Nova Zelândia, era em mim mesma. Eu mudei totalmente o meu pensamento, quando você começa a acreditar que vai dar certo, começa a dar certo. Eu não tinha passaporte, não sabia nem como fazer um passaporte, foi a Kiwi que me ajudou, a passagem. Aconteceram algumas coisas na minha vida que me fizeram desacreditar que eu conseguiria vir e mudou no momento que eu mudei meu pensamento! Quando eu acreditei em mim. Então se você esta querendo vir, você tem que ouvir o seu coração e venha porque vale a pena.

A Kiwi Education é incrivel! Te auxilia realmente em todos os momentos, no pouco tempo que estive aqui eles estavam em contato o tempo todo, me deram dicas super importantes. É uma empresa que te deixa muito segura, eles te dão todo o suporte, faz parecer tudo bem fácil. Eu recomento o serviço deles de olho fechado! Se eu for voltar para cá eu nem cogito outra empresa, com certeza será através da Kiwi Education.

Currency: NZD : 3.81 BR
kiwisupport.com.br